segunda-feira, 4 de abril de 2011

Carregador de piano

O líder do campeonato paulista não é um time que encanta aos olhos, é um time que se destaca pela aplicação tática e regularidade de alguns atletas. Entre os diversos “carregadores de piano”, o volante Márcio Araújo vem se tornando peça fundamental para o esquema do técnico Luiz Felipe Scolari.

Ontem, contra o Santos, ele deu mais uma prova de sua importância. O jogador foi incumbido de impedir que Paulo Henrique Ganso jogasse, e como um carrapato, anulou o craque santista que saiu de campo vaiado.

Por outro lado, o palmeirense não é um jogador que encanta a torcida, por melhor que seja sua atuação sempre se ouve questionamentos. Porém, a importância do jogador pode ser percebida pela liberdade que o lateral Cicinho e o volante Marcos Assunção costumam ter para apoiar o ataque. Afinal, se ele não é um craque com a bola no pé, o camisa 8 é extremamente eficiente na marcação, cobre bem a zaga e ainda tem facilidade no desarme.

Um time para dar certo precisa de “operários” que dêem liberdade para os “astros”, e o Márcio Araújo é perfeito nessa função.

Nenhum comentário:

Postar um comentário